terça-feira, 15 de março de 2011

Sopa de palavras

Se quando outro sempre

É necessário chorar
de vez em quando.
É necessário viver
sempre.
Ai, esse de 'vez em quando'
e esse 'sempre'...
Quando 'quando'?
Quando 'sempre'?
Ainda tem o 'se'.
'Se' e 'quando'.
Sei que um é advérbio.
O outro eu não sei.
Olha só! O 'outro'.
Outra palavra
assim... 'quando',
assim... 'se'.

5 comentários:

João Esteves disse...

Acabo de degustar-lhe a sopa de palavras, Leone. Deixo registrada minha incondicional aprovação a seu paladar. Ficou sobregosto e tudo.
Um abraço

YasminCuevo disse...

Olha só o que eu achei... xD

Rafael Castellar das Neves disse...

Muito bom, Leone!

Descreveu muito bem esta incongruência de sentimentos, decisões e momentos que definem a vida!

[]s

Juliana. disse...

Olá Leone, obrigada pela visita!

e muito boa sua sopa de palavras, e quando for sempre, será!

ahh e todos as poesias no palavras em vão foram escritas por mim!

Um abraço
da Ju

Leone Rocha disse...

João, Rafael e Juliana, grato pela visita.

Ya! Grato também. Apareça.