domingo, 26 de abril de 2009

Bob Dylan's Blues

Sinto muito lingua portuguesa, mas a poesia mais bonita que conheço está em inglês, é uma música composta por Syd Barret em um tributo a Bob Dylan. Eis o refrão, que também é a estrofe mais bonita:

Bob Dylan's Blues

Cos' I'm a poet, Don't ya know it?
And the wind... you can blow it
Cos' I'm Mr. Dylan the king
And I'm free as a bird on the wing

Isto tem um motivo. Homenagens, tributos, reconhecimento são as coisas que mais me tocam. Existem dois filmes em que isto ocorre de forma linda. Em "Uma Mente Brilhante", quando os professores entregam suas canetas ao Professor Nash e em "O Senhos dos Anéis - O Retorno do Rei", no final do filme, quando o já Rei Aragorn e todos os seus súditos se ajoelham aos quatro hobbits. Mais um motivo pessoal: Syd Barret era fã de Bob Dylan, evidente. Mais evidente ainda o fato de ser Syd Barret. "O Pink Floyd não poderia ter começado sem ele e não poderia ter continuado com ele" - Roger Waters.

2 comentários:

Becky disse...

A lingua portuguesa te perdoa com certeza...

lorena disse...

Preciso te apresentar Yeats, Sylvia Plath, Blake, Auden, Emily Dickinson... Porque se é pra desprezar a GIGANTESCA poesia em língua portuguesa, tem que ser à altura, né...

Te falei do Murilo Mendes? É um negócio incrível. Drenou minha tristeza essa noite, ele transformou a minha tristeza numa espécie de susto, um estado de alerta, como quando alguém te sacode pelos ombros. To encantada!