domingo, 9 de agosto de 2009

Maré eufórica

"This world is big... and so awake"
R.E.M

Este mundo é tão belo e encantado... A vida é fonte inesgotável de tesouros. Quando começamos a aprender a arte da garimpagem e começamos a ter sucesso, não sobra outra alternativa a não ser dar os quilos de ouro que se encontram pelo caminho. É tanto ouro, tanta beleza, que é preciso evoluir para administrar tudo isto. É... a escada realmente não tem fim. Quantas coisas não conheço agora que sei que existo! Começo. Andamos, andamos... para sempre chegar ao começo. Mas ainda é cedo para dizer que o pior já passou. Talvez ele ainda nem tenha se manifestado. Talvez esteja aguardando a base ser formada para despencar das alturas.

3 comentários:

lorena disse...

Esse post alcança uma dimensão poética: cria toda uma expectativa de euforia no leitor, para de repente "despencar das alturas" e eis tudo. O que o texto quer dizer se imprime da forma como se diz. Muito louco.

Jeremias Berdinazi disse...

Será que ele subiu essa escadona infinita, levando um monte de ouro, até o final ou perto do final dos degraus e vai despencar qndo ele achar que pode começar denovo sem ter que se preocupar com os outros? :D
É, a gente pode pensar sobre o mundo ao nosso redor e sua vida exuberante, todas as diferenças existentes e como crescer, superando os medos, adversidades e dificuldades... nos desenvolvendo tbm.Tvz assim, subimos as escadas do nosso desenvolvimento conforme nossos esforços em alcançar nossos objetivos. :)
Como queremos ser? :D

Jeremias Berdinazi disse...

Pensar em despencar, é pensar em perder tudo que conquistou, isso é triste e deve ser considerado um egoísmo, pois no caminho que trilhamos, sempre tem aqueles que torcem por nós e querer despencar sem pensar no que eles pensariam dessa atitude, é ser egoísta... não pense assim. :*